betsson

Brasília recebe mostra com obras do Prêmio Marcantonio Vilaça

Mostra especial com os premiados nessa edição está aberta ao público a partir desta quarta-feira (5), no espaço cultural Marcantonio Vilaça, no Tribunal de Contas da União ( TCU ), em Brasília

A partir de dezembro, outras capitais vão receber exposições do Prêmio

Obras dos artistas vencedores do Prêmio CNI SESI SENAI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas já podem ser apreciadas pelos brasilienses. A mostra especial com os premiados nessa edição está aberta ao público a partir desta quarta-feira (5), no espaço cultural Marcantonio Vilaça, no Tribunal de Contas da União (TCU), em Brasília. A exposição fica até o dia 3 de outubro, com entrada gratuita. (Veja os horários para visitação ao fim da reportagem).

Quem passar pelo espaço verá obras dos artistas Gê Orthof (Brasília), Berna Reale (Pará), Grupo Empreza (Goiás), Nicolás Robbio (São Paulo) e Virgínia de Medeiros (BA/SP). O público vai ver ainda trabalhos que compõem o projeto "Arte Indústria", que faz uma homenagem à artista brasileira Amelia Toledo.

Para o artista Gê Orthof, que nasceu no Rio de Janeiro, mas mudou para Brasília com seis meses de vida, essa oportunidade de levar as obras para várias regiões do país é literalmente um prêmio. “É importante porque a gente faz o trabalho circular por outros espaços. É uma troca de experiências ao conhecer outros artistas, outras pessoas e suas obras”, diz. Sobre receber o Prêmio, Gê diz que ainda está comemorando e colhendo os resultados da conquista.Ouça clicando aqui.

ARTE QUE PROVOCA -
O curador do Prêmio, Marcus Lontra, acredita que o visitante vai se surpreender com as obras. “Tem muita provocação nesses trabalhos. Porque arte contemporânea é isso. São obras que exigem um diálogo e com isso cada um vai descobrir qual a mensagem, seja de uma maneira poética ou até mesmo óbvia. A reação de cada espectador é o que completa a obra”, diz.

O presidente do TCU, ministro Aroldo Cedraz, elogia a iniciativa do Sistema Indústria de apoiar as artes plásticas no Brasil. “Isso contribui para a formação de milhões de brasileiros. Não é possível ter um cidadão inteligente e produtivo, sem que ele possa ter alguma oportunidade de interação com as artes. E essa parceria com o TCU tem uma amplitude enorme e nos permite aumentar ainda mais a nossa relação com a sociedade”, afirma.

UMA VISITA, MUITAS EXPOSIÇÕES – A mostra do Prêmio Marcantonio Vilaça acontece simultaneamente a outras duas exposições no TCU. Aproveite para ver também a exposição Leonardo Da Vinci: A Natureza da Invenção e a exposição Casa dos Contos, com a história das instituições antecedentes à criação do TCU. Tudo com entrada gratuita. Veja outras fotos da mostra no Flickr da CNI e confira abaixo os horários de visitação.

Mostra do Prêmio CNI SESI SENAI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas
Local: Espaço Cultural Marcantonio Vilaça (TCU)
Data: 05/08/2015 a 03/10/2015
Visitação: de segunda a sexta-feira (9h às 19h); sábados (14h às 18h)
Entrada franca

Exposição Leonardo Da Vinci: A Natureza da Invenção
Local: Tribunal de Contas da União
Data: 21/07/2015 a 27/10/2015
Visitação: de quarta a segunda-feira (das 9h às 20h)

Instituições públicas podem fazer agendamento com transporte gratuito pelo telefone: (61) 3316-5381 

Entrada franca

Casa dos Contos
Local: Museu do TCU - edifício sede do TCU
Exposição permanente
Visitação: de segunda a sexta-feira (das 9 às 19h)
Entrada franca

Relacionadas

Leia mais

Conheça os vencedores do Prêmio Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas
Exposição do Prêmio Marcantonio Vilaça inicia etapa itinerante em Belo Horizonte
Exposição do Prêmio Marcantonio Vilaça começa viagem pelo Brasil

Comentários

betsson Mapa do site