betsson

Associa Indústria ajuda empresários a aplicar as NRs

O curso será oferecido por meio do Associa Indústria, frente do PDA criada por uma parceria entre a CNI e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae)

As normas regulamentadoras (NRs) existem para garantir a saúde e a segurança no trabalho. Mas, muitas vezes, a alta complexidade dos seus textos dificulta a aplicação por parte das empresas, o que pode resultar em multas e perda de produtividade. Com o objetivo de fornecer orientações e esclarecer dúvidas sobre as normas mais relevantes para a atividade industrial, o Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA) e a Gerência-Executiva de Relações do Trabalho (GERT) da Confederação Nacional da Indústria (CNI) desenvolveram o curso Como lidar com as NRs que mais impactam a indústria?. Ao longo de 2015, serão abertas mais de 4 mil vagas em 25 estados.

O curso será oferecido por meio do Associa Indústria, frente do PDA criada por uma parceria entre a CNI e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). Seu conteúdo aborda as 10 NRs que geram mais autuações às indústrias, entre as quais a NR 6, que trata de equipamentos de proteção individual, a NR 9, sobre o Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA), e  a NR 12, que determina os critérios de segurança para a operação de máquinas e equipamentos. Esta última tem sido a razão para o aumento significativo de autuações às indústrias por parte da fiscalização do trabalho.

Além de destacar os aspectos mais fiscalizados e esclarecer dúvidas, o curso estimula os empresários a participar dos processos de elaboração e de revisão das NRs, por meio de seus sindicatos empresariais, das federações estaduais e da CNI. “Este é um conteúdo novo do PDA, elaborado para atender aos pedidos dos próprios empresários, principalmente aqueles à frente de micro e pequenos negócios”, comenta a gerente de Desenvolvimento Associativo da CNI, Camilla Cavalcanti.

O curso já foi oferecido em alguns estados e foi aprovado pelos participantes. "O conteúdo do curso será muito importante para o meu dia a dia. A interpretação das normas regulamentadoras é importante para o profissional da área de Segurança do Trabalho”, comentou Allan Barros Gusmão, da Imerys Rio Capim Caulim. Ao longo do ano, estão previstas 136 turmas, com 30 vagas cada, em quase todo o país. Os estados com mais oportunidades são Santa Catarina (18 edições do curso), Paraná (14) e Bahia (10).

Para mais informações sobre a realização do curso, consulte o site do PDA (https://www.bare-bottom-spankings.com/pda), a Federação de Indústrias do seu estado e também o sindicato empresarial da sua categoria.

Relacionadas

Leia mais

PDA realiza nova capacitação sobre Negociação Coletiva
Em São Bento do Sul, FIESC realiza curso sobre as NRs que mais impactam as Indústrias
Curso orienta indústrias sobre NRs

Comentários

betsson Mapa do site