betsson

Sindquímica e IEL premiam vencedores do Prêmio de Inovação Setor Químico 2014

Vencedores receberam recompensa em dinheiro e o Troféu Expedito Parente, uma homenagem póstuma ao pesquisador mundialmente reconhecido pelos trabalhos de pesquisa e inovação com foco na área química

O Sindicato das Indústrias Químicas, Farmacêuticas e da Destilação e Refinação de Petróleo do Estado do Ceará (Sindiquímica) e o Instituto Euvaldo Lodi (IEL/CE) premiaram nesta segunda-feira, 8/9, na Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), os vencedores da segunda edição do Prêmio de Inovação Setor Químico 2014.

Antonia Fádia Valentim de Amorim, professora da Universidade Estadual do Ceará (Uece), e pesquisadora do Parque de Desenvolvimento Tecnológico (Padetec), venceu na categoria agente inovador; Paulo Iury Gomes Nunes, estudante de Farmácia da Universidade Federal do Ceará (UFC), foi o vencedor da categoria estudante inovador; e a empresa Armtec Tecnologia em Robótica venceu na categoria empresa inovadora.

A empresa inovadora vencedora recebeu R$ 5.000,00. O primeiro colocado na categoria agente inovador recebeu R$ 4.000,00 e o vencedor da categoria estudante inovador recebeu R$ 3.000,00. Os três receberam o Troféu Expedito Parente, uma homenagem póstuma ao pesquisador reconhecido nacional e internacionalmente pelos trabalhos de pesquisa, desenvolvimento e inovação com foco na área química, tendo sido detentor da primeira patente do biodiesel.

Foram finalistas ainda Adriana de Oliveira Sousa Leite (agente inovador), Ítalo Maia de Azevedo Gomes (estudante inovador) e Policlay Nanotech (empresa inovadora). O objetivo do prêmio é incentivar o aprimoramento do setor químico e farmacêutico cearense a partir do fomento a práticas de gestão inovadora das empresas, além de reconhecer e premiar projetos inovadores com aplicabilidade para o segmento químico.

Os projetos inscritos foram analisados por uma comissão julgadora formada pelo Conselho Regional de Farmácia (CRF), Conselho Regional de Química (CRQ), Instituto Federal do Ceará (IFCE), Instituto de Desenvolvimento Industrial do Ceará (INDI), Núcleo de Tecnologia Industrial do Ceará (Nutec), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI/CE), Universidade Estadual do Ceará (UECE), Universidade Federal do Ceará (UFC) e Universidade de Fortaleza (Unifor), que na ocasião receberam certificado de participação entregue pela superintendente do IEL, Vera Ilka Meireles Sales.

Na cerimônia, também foi realizada homenagem póstuma ao professor Expedito Parente, com entrega de uma placa ao sobrinho e ex-sócio de Expedito, José Neiva Santos Júnior.

O presidente da FIEC, Roberto Proença de Macêdo, também foi homenageado pelo Sindquímica por seu compromisso de incentivar o desenvolvimento tecnológico e ambiente inovativo.

Relacionadas

Leia mais

IEL/PI aprova 9 projetos no Programa Inova Talentos
325 projetos são selecionados para a segunda etapa do Prêmio Nacional de Inovação

Comentários

betsson Mapa do site